Nossa História

Posted on
Olá pessoal, aqui não é a Luanna, mas o Pablo; decidi
escrever este post por 2 motivos: 1)- Depois que Lu fez a matéria “Como tudo
começou
” (Leia), algumas leitoras pediram que ela contasse a nossa história; os mais
íntimos já sabem bem, mas os novos amigos que estão chegando de todo canto do
Brasil e até do mundo, ainda não. 2)- para fazer uma surpresa para ela. Um
relato na visão masculina de nossa história.
(essa é pra rir)
Bem, ela não sabe que estou postando isso (mas logo vai
saber, né – rs). Espero que não fique chateada comigo.
Quando nos conhecemos éramos adolescentes ainda e, ao
contrário do que muitos pensam, não éramos ligados em moda; muito pelo
contrário, eu usava praticamente um uniforme (camisa azul que já andava
sozinha) e ela era muito básica: jeans e camisa de malha! Mas isso não era
problema pra gente! Mas o engraçado é que quando eu sonhava com a minha esposa,
sempre pedia pra Deus uma mulher super produzida, bem feminina, até usava o
termo “árvore de natal”, rs. Lu, na época, não era assim, mas Deus sempre ouviu
minhas orações (aleluia)!! Só para vcs saberem, quando eu acho que Lu está
muito básica, imploro pra ela colocar mais acessórios.
Pois é gente, assim a gente se conheceu e começou a namorar.
Foi um namoro mais ou menos, até que houve o rompimento. Três anos depois, mais
maduros, conscientes e tratados, retornamos convictos de nossa aliança. Pouco tempo
depois, em junho de 2012, casamos!!!
Look Noivo
Sabe aquela história de que o simples é o chique? Pois é,
apostamos nisso. Quem pensava que eu e Luanna entraríamos na Igreja estilo Príncipe
William e Princesa Kate Middleton, se enganou. Eu não queria aquelas roupas
típicas de noivo que na lapela parece um bolo confeitado ou um vampiro do
século XVII. Preferi um terno slim em risca de giz preto, sóbrio e simples.
Look Noiva
Luanna, sempre Luanna, né! Mesmo super simples, chamou
atenção de todos. Primeiro porque na véspera do casamento estava super loira,
mas quando as portas da Igreja se abriram, eis que surge a Branca de Neve (rs).
Cabelo pretinho, do jeito que gosto. O vestido foi ela quem idealizou, desenhou
e o estilista Filipe Gomes (Ateliê Claudia) confeccionou. Ficou linda! Não era
a Kate, mas era uma princesa vindo em minha direção. Ual!!!
Madrinhas
Lu preferiu padronizar a cor das madrinhas para não parecer
o programa Esquenta no Altar da Igreja. O tom de vermelho contrastou com a
união e ausência de cores das nossas roupas.
Padrinhos
Os pardinhos, mais discreto (como pede o
figurino). Todos de preto e gravata prata; o inverso de mim, com gravata preta
e camisa prata!
Pois é
gente, foi isso! Espero que tenham gostado. Estamos caminhando para o terceiro
ano de matrimônio de todos que virão. 
Para quem é
solteiro ainda, uma dica: seja feliz solteiro para fazer seu cônjuge feliz no
casamento. Saiba esperar o tempo certo, não queime etapas e se organize; isso é
fundamental!!
Só posso dizer uma coisa: Sou muito feliz ao lado dela. Ela é meu número!!
Abração

18 Replies to “Nossa História”

  1. Bom eu já meio conhecia a história,mais fiquei megaaaaaaaaaaa feliz por ter cotribuido com esse post.Lu espero que vc goste,pois eu me derreti só de ler e sentir a sensibilidade nas palavras do Pablo.Eu só posso desejar que a união de vcs dure por muitos e muitos anos e que logo o Senhor mande os frutinhos(os mini Pablos e as mini Luanas)do jeito que o povo de Betel anda não podemos falar só um rsrs.bjinhus a vcs

  2. Eu estava lá e vi de perto o amor e felicidade que era notória não apenas o noivos e sim todos os que lá estavam , tudo muito lindo e de muito bom gosto, que Deus abençoe cada vez mais ….

  3. Pessoal, desde já agradeço os elogios e carinho de todos. Aline, vamos com calma (rsrsr). Pensamos em um fruto só!
    Luana Carvalho, obrigado!
    Gracielli, sempre carinhosa comigo e com Lu.
    Patricia, vc quem foi a responsável por Lu aparecer linda nesse dia. Obrigado!
    Mauro, parabéns pelo Blog. Gostei muitoooooo do seu trabalho. Abraços

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *